Vídeo Sitemaps - Escolhendo sua estratégia | Link Building

Informações com qualidade sobre Link Building SEO

Afiliados Magazine

25 mai 11

Vídeo Sitemaps – Escolhendo sua estratégia

Esta é a continuação da série de artigos que fala sobre o uso de vídeo sitemaps no processo de link building. Não deixe de ver o  primeiro artigo: Video Sitemaps como estratégia de Link Building

Escolhendo sua estratégia

Quando se toma a decisão de investir na estratégia de vídeos para seu site, aliada ao uso dos sitemaps de vídeo, é preciso pesquisar e entender sobre a questão tecnológica envolvida por trás desse processo. Existem alguns fatores a se considerar, e dependendo do budget disponível para essa estratégia você terá de ponderar entre as diversas soluções disponíveis, cada uma com seus prós e contras.

Para ficar por dentro de todos os aspectos e requisitos técnicos necessários para a implementação do sitemap de vídeo no seu site, visite a  documentação do Google na sessão: Como criar um sitemaps de vídeo. Lá você encontrará toda a documentação necessária para esta tarefa.

estratégia de link building

Estratégias de vídeo sitemaps

Existem duas vertentes básicas na implementação de sitemaps de vídeos como estratégia de  link building. Em cada uma os custos, benefícios e dificuldades de implementação trazem resultados diferentes, então vale a pena conhece-las e avaliar qual delas (ou ambas) é mais aplicável no seu caso.

1 – Estratégias de vídeo sitemaps – Host em Plataformas de terceiros

Esta é a estratégia com o menor custo de implementação entretanto os resultados são bem inferiores visto que o link nas serps irá para a página da plataforma aonde o vídeo está hospedado. Entretanto, devido ao link na página do vídeo há grandes possibilidades das pessoas irem para seu site e acabar criando um link para você.

Para implementar essa estratégia:

  • Faça o upload de seus vídeos para uma plataforma de vídeo existente (Youtube, Videolog, etc)
  • Crie uma página para esse vídeo em seu site com conteúdo adicional (transcrição do vídeo, artigo entorno do tema do vídeo, etc)
  • Insira o vídeo hospedado nessa página (pelo processo de embed / tags HTML)
  • Na página do vídeo na plataforma (youtube videolog, vimeo, etc) insira um link para a página criada em seu site
  • Crie um vídeo sitemap com esse vídeo (e todos os outros vídeos de seu site) e envie para o Google via Webmaster Tools

Vale lembrar que a plataforma deve dar suporte à inclusão de um link (mesmo que nofollow, pois queremos ganhar links de forma indireta com menções em outros sites) para o vídeo em seu site na descrição do vídeo ou mesmo em algum outro local destinado para essa funcionalidade, caso contrário as pessoas não terão a possibilidade de clicar nesse link e ir para seu site, diminuindo muito as possibilidades de ganhar um link indireto futuramente.

Observações sobre plataformas:
  • Youtube:
    – Suporta links na descrição (nofollow)
    – Possível uma anotação no vídeo com link para seu próprio canal no youtube
    – Na página do seu canal você tem a possibilidade de inserir um link FOLLOW
  • Vimeo:
    – Possibilidade de inclusão de link (noffolow) na descrição com grande destaque.
  • Videolog.tv:
    – Possibilidade de inclusão de link (noffolow) na descrição.
    – Futuramente irá suportar links externos nas anotações do vídeo.
    – Plataforma nacional
    – Rankeia muito bem nos resultados de vídeos 

    videolog.tv nas serps - resultados de vídeos

* Em conversa com o Fábio Lima do Videolog, fui informado que está planejada a implementando de anotações (como existem no youtube) com o grande diferencial de poder inserir um link externo nessa anotação. Imagine a grande possibilidade de tráfego oriundo desses links nas anotações. É bom ficar de olho, acompanhando de perto o lançamento dessa funcionalidade.

* No caso do youtube, um grande diferencial é que o seu perfil youtube.com/voce conter um link dofollow. Quanto mais popular e mais links apontando para seu canal do youtube, mas força esse link follow irá ter. Ou seja, mesmo que indiretamente, conseguir links para seu canal e seus vídeos no youtube pode trazer ótimos benefícios em termos de link building.

2 – Estratégias de vídeo sitemaps – Host próprio e seus benefícios

Saiba mais no próximo artigo.

 

Continue Lendo

Por enquanto é só pessoa. Mas o assunto não para por aqui, não deixe de conferir a continuação deste artigo: Vídeo Sitemaps – Host próprio e seus benefícios Nele será abordada segunda estratégia de vídeo sitemaps, mostrando os enormes benefícios de se utilizar hospedagem própria para seus vídeos e o poder do CRT e do volume de visitas geradas nos resultados de vídeo nas serps.

Mostraremos exemplos de utilização e implementação de CDN para hospedagem de vídeos e as opções de custo aplicadas comparando com os benefícios de cada plataforma.

Em adicional, para estar sempre atento às últimas novidades de Link Building você deve seguir nosso perfil no twittercurtir nossa fã page no facebook.

Até a próxima.

 

Compartilhe

  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no LinkedIN
  • Compartilhe no Orkut
  • Compartilhe no Digg
  • Compartilhe no Google
  • Compartilhe no Digg

Sobre o autor: Pablo Augusto

Pablo trabalha como consultor de Marketing Digital, atuando em projetos freelancer e em parceria com agencias de publicidade. Seu trabalho é voltado para as áreas de de Otimização de Sites (SEO), Link Building, Mídias Sociais e Links Patrocinados. Participa ativamente da comunidade SEO brasileira contribuindo com o fórum oficial do Google para Webmasters e escrevendo sobre search e desenvolvimento web.

Deixe seu comentário

Notifique-me de novos comentários via e-mail. Você também pode se inscrever sem comentar.

Comentários

  1. Wellington Dutra

    Show o artigo! Eu também não sabia a importância de link building com vídeos… quando sai o próximo artigo?

  2. leandro

    Pablo boa noite, gostei muito deste artigo, já fiz a releitura dele diversas vezes, estou aguardando ansioso a outra parte do artigo, videos com host proprio, quando vocês vão fazer?

  3. Pablo.. Muito bom o Artigo, estou com um cliente que produz videos diariamente e estou começando a implantar o Sitemap… Valiosas Dicas… Sucesso e Saúde.. abs

  4. Léo

    E aí? quando vem o próximo? Abraços